quinta-feira, junho 05, 2014

39 dedicatórias

39 dedicatórias repletas de palavras que são desejos, letras que são surpresas, elogios que são carinhos, desenhos que são presentes.

A avó paterna versou como já nos habituou. 
A avó materna deixou a sua marca num beijo carimbado. 
Os padrinhos também me dedicaram as suas palavras e desejos queridos. E como sou uma felizarda, tenho padrinhos de batismo e de coração também, que mais elogios teceram.
Os amigos enviaram postais de longe, fotos do antigamente, ensinamentos chineses, mensagem em Khmer, registaram o companheirismo do trabalho.
Recibi todas as dedicatórias com xi corações e continuo a reenviar estes abraços cada vez que releio uma e outra, como aquela que diz que se gosto de comer bolo dos amigos e dos pais está então tudo bem. E como eu gosto de bolo, dos amigos e dos pais! Ou a outra com o soneto de aniversário de Vinicius de Morais. E não, não foi esta que veio do outro lado do Atlântico. De lá vieram fotos de um passeio com cerca de 12 anos! 
E ainda não tenho palavras para o remate conclusivo deste presente. Concentro-me e releio as mensagens finais, tão especiais!



1 comentário:

Ana Magalhães disse...

Eu até podia dizer que já está em marcha a prenda dos 40 anos... mas não vou dizer.